Impasse entre prefeitura e Comcap persiste e Florianópolis amanhece mais um dia com lixo acumulado

Professor Resíduo
08:30:AM - 14/Jul/2017
Impasse entre prefeitura e Comcap persiste e Florianópolis amanhece mais um dia com lixo acumulado
Foto: Rafael Thomé / Agência RBS

Principais ruas do centro amanheceram cobertas de lixo nesta sexta-feira

14/07/2017 | 08h30

Por DC

A expectativa da população de Florianópolis para a retomada da coleta de resíduos não se confirmou e as principais ruas da cidade amanheceram cobertas de lixo nesta sexta-feira, 14. Segundo a Comcap, a empresa anunciada como solução emergencial para a limpeza da cidade só irá trabalhar quando a  assembleia dos servidores grevistas terminar. Marcada para as 7h30min de hoje, a reunião entre os trabalhadores pode decidir o fim da paralisação, que já dura cinco dias. Mas se o impasse seguir, a TOS Ambiental, de Chapecó, deve assumir os serviços por pelo menos 15 dias. 
A empresa terceirizada, que já está na cidade ainda não assinou o contrato com a prefeitura e também aguarda a assembleia dos trabalhadores para poder ser acionada. De acordo com a prefeitura, a empresa concordou com um contrato no valor de R$ 40 mil, mais R$ 34 mil por cada dia trabalhado. Em 15 dias, o custo total para o município será de R$ 550 mil. 

Audiência à tarde será nova tentativa de encerrar a greve
Mais tarde, uma audiência de conciliação também tenta a retomada da coleta pelos servidores da Comcap. A sessão colocará mais uma vez frente a frente representantes da própria Comcap, além de dirigentes do Sindicato dos Servidores Municipais de Florianópolis (Sintrasem) e do Ministério Público do Trabalho.