Descarte incorreto de lixo afeta Estações de Tratamento de Esgoto, em Caxias do Sul

Professor Resíduo
12:00:PM - 01/Sep/2018
Descarte incorreto de lixo afeta Estações de Tratamento de Esgoto, em Caxias do Sul
Foto: Ana Paula Rossi

01/09/2018| 12h00

O descarte de resíduos de forma incorreta é um dos principais motivos de complicações do funcionamento das redes de tratamento de esgoto, em Caxias do Sul. Conforme o Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae), além de entupir as tubulações, o lixo afeta o sistema de gradeamento das Estações de Tratamento de Esgoto.

Por isso, autarquia orienta para que a população não descarte lixo em vasos sanitários, ralos, bueiros e espaços públicos. O acúmulo desse material pode provocar diversos transtornos ao tratamento do esgoto, causando também o encarecimento do processo, por conta da necessidade de manutenção constante. Outro problema para o consumidor é que ele pode ter sua rede entupida, causando vazamentos na rua e até mesmo o retorno do esgoto para dentro de casa.

Conforme o Samae, lenços umedecidos, preservativos, embalagens de salgadinho, biscoitos, garrafas pet e absorventes são os principais objetos descartados incorretamente. O sistema de tratamento de esgoto contém grades, que retêm os resíduos sólidos maiores e impedem que eles avancem e afetem as demais etapas do tratamento, porém o acúmulo de resíduos afeta o processo.

Informações: http://www.tuaradio.com.br